terça-feira, 25 de agosto de 2015

punheta proibida

Te odeio por trás.
Odeio como você me traz
Vontade de querer mais
Uma punheta sagaz
Que não poderia mas
É valido pelo segundo de paz.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Outras Postagens

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...