domingo, 12 de agosto de 2012

Três Filmes Que Eu Vi #02


~ Ensaio Sobre a Cegueira (2008)


Resolvi ver esse filme por causa do diretor, Fernando Meirelles, o qual dirigiu Cidade de Deus e O Jardineiro Fiel e desde as primeiras cenas já dá pra se perceber que não é um filme pra você ver comendo pipoca numa tarde de domingo. Esse filme, baseado numa obra de Saramargo, é um daqueles feitos para você parar e pensar sobre toda a sua vida, eu mesmo pensava "Como será que seria minha vida se eu fosse cego?", "Será que dou valor a minha visão?", "Eu saberia me virar sem ela?", "Como é a vida das pessoas sem visão?".

A história do filme é sobre uma epidemia sem precedentes de cegueira que atinge um cidade [que em tese é São Paulo] onde pessoas de uma hora pra outra ficam cegas. O governo põe os primeiros atingidos em quarentenas para tentar que se alastre pelo país. A personagem de Julianne Moore vai pra essa quarentena para ficar com o seu marido mesmo ela não tendo sido afetada pela epidemia.

No filme os novos cegos não "veem" preto e sim branco tanto que é chamada de a cegueira branca e a fotografia do filme é clara, branca.O diretor de fotografia é o indicado ao Oscar por Cidade de Deus  César Charlone, assim como o editor Daniel Rezende também indicado. É um filme que vale a pena ver mas só se tiver tempo e paciência para tal.







Trailer:




~ Qual o Seu Número? (2011)


Comédia romântica leve para se ver num domingo a tarde. Qual Seu Número? aborda a modernidade das relações interpessoais [sexuais]. No filme Ally Darling (Anna Faris) lê num artigo duma revista que a média de parceiros de uma mulher, ao longo da sua vida é de 10.5. O número que pra ela é baixo a fez contar quantos homens ela já teve. Em conversa com as amigas descobriu que 19, seu número, é muito grande. Na matéria da revista que ela lia dizia que mulheres com mais de 20 parceiros têm mais dificuldade de casar. Ally resolve investir em seus ex-namorados para que o seu número não subisse ainda mais e para isso conta com a ajuda do seu vizinho da frente, o Colin Shea (Chris Evans).

O filme é legal como a maior parte das comédias e não trás novidades, existem somente pra passarmos o tempo e acharmos que se apaixonar é fácil e que o certo na vida é se casar e ter 3 filhos.



Trailer:





~Scott Pilgrim Contra o Mundo (2010)







Eu vi Scott Pilgrim Contra O Mundo logo quando saiu em DVD na locadora por indicação de um colega e foi uma grande exautação e depois de um
ano da primeira vez que eu vi o filme pareceu ainda melhor. O filme é uma adaptação de uma história em quadrinho que se passa em Toronto, no Canadá, cidade natal da banda chamada "Sex Bob-Omb" cujo baixista é Scott Pilgrim (Michael Cera) de 23 anos. Ele começa a namorar uma colegial asiática Knives Chau e gera certo protesto dos amigos, um tempo depois Scott se apaixona pela americana Ramona Flowers e perde o interesse pela Knives. O que Pilgrim não sabia eram dos 7 ex-namorados do mal da Ramona.

Existem algum motivos pra amar o filme: O Michael Cera atuando no papel que ele sabe: um nerd. A montagem do filme com cortes na hora certa e fazendo o filme ser ágil e agarrando-nos à tela. Os efeitos do filme fazem com que ele se pareça um jogo e uma história em quadrinho. O Wallace Wells interpretado pelo Kieran Culkin tem uma veia cômica que te faz rir loucamente em várias cenas. As músicas da trilha sonora agitam e conduzem as cenas. A Ramona e sua maneira volúvel de ser e tantas outras coisas dos outros personagens, efeitos, cenografia, figurino e e sei lá mais o que.

Só tenho uma coisa a dizer sobre esse filme: Assista-o!





Trailer:



Outras Postagens

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...